Castelo de Portel

As origens do castelo gótico de Portel estão ligadas à figura de D. João Peres de Aboim no século XIII, nobre letrado muito próximo de D. Afonso III, que chegou a desempenhar as funções de mordomo-mor do reino.
As obras de construção da fortaleza ter-se-ão iniciado imediatamente, mas arrastaram-se pelo reinado de D. Dinis
, tendio já falecido D. João Peres de Aboim.
Tipologicamente, Portel é um castelo plenamente gótico, de planta heptagonal seccionada por torres circulares nos ângulos e porta protegida por imponente torre de menagem quadrangular, elevada a cerca de 25 metros de altura e com disposição interna de dois pisos acima da linha de adarve, ambos cobertos por abóbada de cruzaria de ogiva. O portal de acesso ao recinto interior é de arco apontado e, a Sul da estrutura, uma segunda porta (denominada de Beja) fazia com que existisse um eixo viário interno em linha recta.

Textos retirados do site www.ippar.pt